sábado

EFT e SET - Para que servem?


Sendo estas algumas das principais técnicas utilizadas no desenvolvimento da inteligência emocional (Projeto Buscando Soluções), basicamente, qualquer sentimento negativo pode ser minimizado ou mesmo erradicado com elas: raiva, mágoa, tristeza, culpa, frustração, medo, baixa auto-estima, claustrofobia, medo de altura, de multidão, medo de falar em público, medo de dirigir, medo de animais e insetos, todo e qualquer tipo de fobia não citada aqui nesta lista, memórias traumáticas (de acidentes, violência, sequestro, assalto, de guerra...), transtorno do estresse pós-traumático, e etc. 

Pode-se ainda tratar com sucesso casos como: ansiedade, obesidade, vícios (cigarro, bebida, drogas, chocolate, comida...), roer unhas, depressão, síndrome do pânico, e etc.


Pode-se tratar dores: dores crônicas ou não, enxaqueca e todo tipo de dor de cabeça, dor na coluna, dores nas articulações, dores nos tendões, cólicas menstruais, dores devido a traumas físicos novos ou antigos, dores provocadas por outras doenças (câncer, artrite, e etc...) e todas as dores não listadas aqui. Geralmente tem resultados muito rápidos no alívio das dores em geral.  

É possível tratar problemas físicos: Pressão alta, diabetes, asma, atrite, alergias de todos os tipos, e etc...

Você pode se perguntar como é que é possível melhorar males físicos se a EFT e SET são para problemas emocionais. Acontece que há uma ligação inseparável entre as doenças físicas e problemas emocionais, e isto todos sabem e está se tornando cada vez mais aceito por médicos e cientistas. Estamos percebendo, à medida que o tempo passa, que esta ligação é muito maior do que se pensava anteriormente. Quando aliviamos sentimentos negativos com a EFT, as doenças físicas cedem parcial ou totalmente. Ainda que estejamos direcionando a EFT para o problema físico, os resultados são muitos bons, pois, na verdade, a técnica está trabalhando o fator emocional por trás da doença, mesmo que este seja desconhecido por parte do terapeuta e do cliente.

O mais interessante é que seu uso é muito mais abrangente. Eu uso pessoalmente para me auxiliar em coisas bem corriqueiras, como lembrar nomes e onde guardei alguma coisa, ajudar a expandir a criatividade quando estou confusa e tenho que ter alguma ideia (para isso elas são fantásticas), tirar o sono e levantar a energia quando estou cansada. Também para tomar aversão a hábitos alimentares prejudiciais (nojo de batata frita e lanche do MacDonalds, por exemplo), elas podem ser utilizadas com muita propriedade; só por esta simples razão,  são aliadas muito eficazes nos tratamentos de emagrecimento.

A grande vantagem destas técnicas maravilhosas é, a meu ver, a facilidade de autoaplicação. Não é preciso ser um terapeuta de EFT e SET para ter resultados impressionantes, tanto na saúde quanto nas emoções e pensamentos, nem nenhum tipo de iniciação ou sintonização, e pode ser usada até por crianças. Nos casos mais simples, a autoaplicação é de enorme valia e alívio e, nos casos mais complexos, a persistência nas aplicações faz uma grande diferença. E o melhor, nem é preciso o fator Fé para que se consiga perceber os efeitos já nas primeiras aplicações, basta fazer. O vídeo abaixo é muito explicativo e você vai ver como é fácil. Experimente! Amplie seus horizontes!!

Caso você queira aprender a EFT, estou disponibilizando uma apostila gratuita, muito fácil e objetiva. Basta enviar-me um e-mail solicitando o material - chrisassimos@gmail.com


video


Artigos Relacionados:

2 comentários :

  1. Olá,me chamo Janaina e gostei muito do seu blog,pois ele abriu minha visão,pois fui evangélica e achava que as coisas que eu sentia eram pecado,mas lendo o seu blog,pude perceber que é uma coisa do ser humano,enfim,te mandei um email,me interessei muito por todas as técnicas descritas no blog,se puder me responder eu agradeço.

    muita paz e muito obrigada,
    Janaina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, minha linda! Não recebi seu e-mail. Se puder reenviá-lo, eu agradeço. chrisassimos@gmail.com

      Grande abraço!

      Excluir

O que você achou? Deixe sua opinião. Ela é muito importante!